Como ajudei o meu filho a socializar

Embora o Tiago esteja em casa comigo e com o pai, tentamos que não esteja fechadinho numa redoma de vidro. É preciso socializar, ver crianças, brincar com elas e não ser bicho do mato. Sempre saímos muito com ele e isso tem ajudado imenso.
Também o fiz, inicialmente, através da natação mas neste momento estamos a fazer uma pausa porque no último ano era só ele e outro miúdo. Além disso não gostei nada da nova professora (que deveria repensar a sua forma de ensino, só uma opinião…), que gostava mais de conversar do que dar a aula.
Portanto, uma forma que arranjei foi fazer sessões de brincadeira, cá em casa, com os meninos da explicação. Todos ganham e todos se divertem…
 
 
 

 E é assim que nos vamos divertindo 🙂

assinatura

Partilhar

One Reply to “Como ajudei o meu filho a socializar”

  1. Com as caixas das missangas, não sei quem é que se iria divertir mais! Se eu, se as crinças! 🙂
    Beijinho

Deixe uma resposta