Cá está o Crème Brûlée como deve ser

Prometo que não volto a falar desta receita tão cedo, que já devem estar fartos de ler. Deixo a receita em português e aquela que realmente correu bem, com a vantagem de ter experimentado fazer com açúcar amarelo e o resultado ter ficado maravilhoso.
Crème_brûlée
Crème_brûlée

 Crème Brûlée

– 3 pacotes de natas
– 3 ovos
– 100g de açúcar (amarelo, de preferência)
– 1 colher de chá de essência de baunilha (caseira, de preferência)

Pré-aquecer o forno a 120ºC. Aquecer, em lume médio, as natas mas sem deixar ferver. Retirar do lume e reservar. Numa taça, colocar o açúcar e os ovos e mexer bem. Juntar as natas em fio e ir sempre mexendo para não cozer os ovos. Coar este preparado para outro recipiente e depois novamente para a taça (é importante coar duas vezes para ficar um líquido muito suave). Juntar a essência de baunilha e mexer.
Deitar em taças previamente colocadas num tabuleiro com água (banho-maria) e levar ao forno cerca de uma hora. Findo esse tempo, retirar as taças e deixar arrefecer em cima de uma grelha. Colocar no frigorífico pelo menos oito horas.
Nota: experimentei o creme antes de ir ao frigorífico e depois, para ver se valia a pena a espera. Na minha opinião, compensa. O creme fica com um sabor e consistência melhores. Por isso, é uma excelente sobremesa para deixar pronta no dia anterior a um almoço ou jantar. 
Bom apetite!
Partilhar

5 Replies to “Cá está o Crème Brûlée como deve ser”

  1. muito bom aspecto…
    já fiquei a babar…
    e o maçarico? utilizaste depois? na hora? ou ficou assim só do forno?

  2. Pelo contrário!!! Pode falar sempre dessa receita, parece ficar simplesmente maravilhoso!!!!

  3. Receitas para a Felicidade diz: Responder

    Que delicia!

    Beijinhos!

  4. Anabela (Aproveitar a Vida) diz: Responder

    O açúcar coloca-se na hora de servir apenas e usa-se o maçarico. Só assim fica com este aspecto.

    Bjs

  5. Anabela (Aproveitar a Vida) diz: Responder

    E vou fazê-la amanhã outra vez porque prometi guardar uma taça para uma miúda da explicação que adora este doce. Durante o fim-de-semana fomos uns alarves e comemos tudo. Agora mesmo doente vou ter de fazer porque não quero faltar ao prometido.

    Bjs

Deixe uma resposta