Inspiração* – Embrulhos originais e ecológicos [sem desperdício]

Todos os anos procuro ideias para embrulhos originais e ecológicos, que não tenham desperdício.

Acima de tudo tentamos simplificar a época festiva o mais possível, não só para podermos descansar mas também para  aproveitar o tempo em família.

E esta simplificação começa na quantidade de presentes que oferecemos. De ano para ano temos reduzido imenso e neste momento só trocamos lembranças com a família mais próxima. Isto porque todos os anos ficava com presentes por entregar meses a fio. Por vezes encontrava-me com essa pessoa e esquecia-me de lhe levar o objecto que tinha comprado.

Assim cortou-se o mal pela raiz. Ofereço antes a minha companhia, que na verdade isso é o que mais importa, estarmos com as pessoas que mais gostamos.

Por isso as primeiras dicas que trago são para presentes que nem sequer precisam de embrulho. Bastará talvez um simples envelope que poderão decorar ou até mesmo fazer em feltro. Vejam esta ideia.

Presentes que não precisam de embrulho

  1. Experiências

  2. Vouchers ou cartões presente

  3. Dinheiro

  4. Viagens

Desta forma a troca de presentes é feita de forma simples e rápida e passamos o resto do tempo a conversar ou a fazer algo em família. Talvez uma das razões de gostar tanto de passar o Natal nos meus sogros. O ano passado, no momento em que imensas pessoas estavam a fazer as suas últimas compras de Natal, nós estávamos aqui. Este ano quero repetir.

Mas voltando ao que me fez escrever este artigo, gostaria de vos deixar algumas sugestões de embrulhos originais e ecológicos, que passam por usar outros materiais que não o típico papel de embrulho. Há ideias mesmo fantásticas e as que gosto mais são aquelas em que o próprio embrulho é algo que depois se pode usar.
Assim não contribuímos para o imenso lixo que depois se acumula a seguir ao Natal. Os créditos das imagens estão todos aqui.

Embrulhos originais e ecológicos

  embrulhos originais e ecológicos

 

embrulhos originais e ecológicos

 

Em primeiro lugar, trago a ideia mais comum e óbvia. Usar tecido para fazer o embrulho. Por exemplo, podem usar um pano de cozinha, um individual, uma toalha ou um avental para embrulhar o vosso presente e serem criativos na decoração do mesmo.

embrulhos originais e ecológicos

embrulhos originais e ecológicos

embrulhos originais e ecológicos

Por exemplo, podem aproveitar uma camisola velha para fazer o embrulho e decorar com um ramo de aromáticas. Ou usar um cachecol ou uma écharpe para fazer o laço. Dessa forma a pessoa é logo presenteada desde o momento em que começa a desembrulhar .

Ideias em feltro é o que não falta por aí. Em primeiro lugar poderá ser algo feito por nós, sem ser necessário comprar. Em segundo lugar, o embrulho poderá depois ter utilidade e ser usado como porta-moedas ou uma pequena carteira. Além disso, poderá ser feito sem costuras. Vejam como fiz o meu estojo em feltro.

Em seguida, trago-vos uma ideia muito interessante e usada sobretudo por quem faz presentes caseiros comestíveis.  Podem usar cestas ou cestos com tampa.

embrulhos originais e ecológicos

Igualmente interessante são os saquinhos de tecido, saco do pão ou sacos de compras reutilizáveis para colocarem os vossos presentes. Assim garantem que tudo será  depois reutilizado. E digam lá se não fica muito mais fofinho do que usar um papel de embrulho qualquer.

E quando os presentes são grandes? Poderão usar, por exemplo, um saco de pano, que depois poderá servir para  guardar brinquedos no quarto dos miúdos.
A fita poderá depois ser usada na cabeça (basta que tenha medida suficiente)
 
Latas de bolachas que poderão ser recicladas e usadas para embrulhos de presentes.
Vejam estas ideias tão bonitas.
Por fim mas não menos interessante, o famoso papel pardo que poderá ter inúmeras decorações. Poderão ainda reciclar os sacos de papel que têm o logótipo da loja, pintando ou tapando com algum tecido.

Artigo que poderá interessar: Poupar no Natal: 7 truques

Partilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *